Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Conteúdo Mix

Conteúdo Mix

15
Dez17

Tem dificuldade em comprar pimentão? Veja como escolher esse vegetal

eneasgc
Tem dificuldade em comprar pimentão? Vem ver como escolher corretamente esse vegetal

Tem dificuldade em comprar pimentão? Veja como escolher esse vegetal


O pimentão ou pimento é um vegetal com inúmeras propriedades que fortalecem e beneficiam nosso organismo. Mas para conseguir obter todos os ganhos fornecidos pelo alimento é primordial que ele esteja adequado para o consumo.
Saber escolher o pimentão certo na hora da compra ainda é uma grande dificuldade para muitas pessoas. Aprenda qual o jeito de saber se o vegetal está ou não apto para ser levado para casa.

Como escolher pimentão

Na hora de escolher pimentão preste sempre muita atenção na cor dele. Prefira aqueles mais lustrosos, com uma cor viva e pele lisa.
Outra coisa que deve ser levada em consideração na hora de comprar pimentão é o talo dele. É importante que o cabo do vegetal esteja verde.
Sentir o peso do pimentão também é um passo importante na hora de escolher o vegetal. Dê preferência aqueles mais pesados e firmes. Pressione a superfície do alimento sem usar as unhas; ele não deve ceder.
O olfato é outro sentido bastante útil na hora de efetuar a compra. Sinta o cheiro do pimentão e leve para casa aqueles mais perfumados.

Como armazenar pimentão

O primeiro passo na hora de armazenar o pimentão é lavá-lo. Coloque-o em uma bacia com dois litros de água e três gotas de detergente.
Feito isso coloque agora o pimentão em uma mistura de um litro de água com uma colher de água sanitária e deixe por cinco minutos. Depois enxague-o em água corrente.
Caso você prefira guardá-lo na geladeira, enxugue antes de armazenar. Guarde-o em um saco plástico furado, na prateleira inferior e deixe o pimentão no ambiente por até uma semana.

Benefícios do pimentão

Um alimento de baixa caloria, o pimentão é rico em fibras, vitaminas A e C, ferro, fósforo, cálcio, tem propriedades anti-inflamatórias e é um antioxidante natural.
O pimentão ajuda na saúde do coração, olhos, fortalece o sistema imunológico, combate o estresse oxidativo, elimina vermes intestinais, protege a mucosa gástrica, ajuda na luta contra o câncer, regula o colesterol e ainda fortalece unhas, pele, dentes, ossos e cabelos.

15
Dez17

Amarelo esverdeado: os benefícios das frutas e vegetais com essa cor

eneasgc
Amarelo esverdeado: descubra os benefícios das frutas e vegetais que possuem essa cor - Pera

Amarelo esverdeado: os benefícios das frutas e vegetais com essa cor


Poucas pessoas sabem reconhecer os benefícios dos alimentos que compõem nossas refeições diárias. Acabam assim consumindo tais produtos sem ter noção do bem que eles fazem para o organismo.
Um exemplo disso são as frutas e legumes que possuem uma cor amarela esverdeada. Estes alimentos que têm esta característica predominantemente são extremamente saudáveis para o corpo, pois auxiliam o sistema imunológico e ainda protege a visão de uma série de problemas.
Os benefícios associados aos produtos com esta cor em específico são ressaltados pela nutróloga Tamara Mazaracki, que explica o porquê que esses produtos são saudáveis para o corpo, através de uma publicação feita em sua página oficial no Facebook.

Quais os benefícios de frutas e legumes amarelo esverdeado?

De acordo com a especialista em nutrientes e alimentação saudável, estes produtos possuem substâncias capazes de melhorar a saúde do consumidor. “Frutas e legumes de cor amarelo esverdeada contêm luteína e zeaxantina, carotenoides que reforçam o sistema imunológico”, explica Tamara.
Por esta razão, é possível afirmar que uma alimentação rica em carotenoides destes tipos pode impedir o contágio e proliferação de doenças no organismo, deixando o paciente com uma saúde mais forte.
Ainda segundo a nutróloga, outro grande benefício de frutas e legumes com essa cor é a ação protetora que eles possuem com relação a visão. “Tem grande ação na proteção dos olhos, reduzindo o risco de infecções, catarata e até mesmo cegueira”, finaliza a médica.

Exemplos de frutas ou legumes com esses benefícios

Para Tamara existem uma infinidade de produtos naturais com esta cor, que podem ser consumidos in natura ou no preparo de algum prato no café da manhã, almoço ou janta. Entre os exemplos citados pela médica, estão:
  • Abacate;
  • Maçã verde;
  • Pera;
  • Uva;
  • Kiwi;
  • Azeitona verde;
  • Pimentão verde e amarelo;
  • Abobrinha;
  • Ervilha;
  • Quiabo;
  • Couve.
Além destes produtos, é possível destacar também a ação benéfica do pepino, brócolis, alface etc.
15
Dez17

Aprenda a forma correta de como escolher batata inglesa

eneasgc
Aprenda a forma correta de como escolher batata inglesa



Aprenda a forma correta de como escolher batata inglesa



A batata inglesa é um alimento bastante versátil. O tubérculo pode servir como ingrediente para diversas receitas, como saladas, purês, panquecas, tortas, entre diversos outros.
Além de ser um alimento multifuncional, a batata doce também traz inúmeros benefícios para à saúde. O tubérculo é rico em carboidratos, vitaminais C e do complexo B, ferro, fósforo, potássio, cálcio e amido.
A batata também possui um baixíssimo percentual de gordura e é extremamente leve. Caso seja consumido sem nenhum ingrediente adicional, 100g dela contêm cerca de 70 calorias.
Mas a única forma de conseguir usufruir de todas as propriedades apresentadas pela batata inglesa é consumindo a apropriada para esse fim.
E para algumas pessoas, muito mais complexo do que conseguir preparar os pratos derivados da batata inglesa é saber escolher qual tubérculo está ideal para ser levado para casa ou consumido.

Como escolher a batata inglesa

A primeira coisa que deve ser observada na batata inglesa, assim como fazemos com as demais frutas e legumes, é a aparência dela. Preste muita atenção na casca do alimento. Opte por aqueles que livre de manchas, com partes murchas, machucados ou pontos escuros.
Na hora da escolha da batata inglesa outra característica do alimento que deve ser levada em consideração é se ela apresenta brotos ou áreas esverdeadas na casca. Caso ela apresente essa aparência, isso indica que ela está velha, o que pode refletir diretamente no gosto do prato que você irá preparar com o tubérculo.
O tubérculo consegue resistir a até duas semanas fora da geladeira. Mas para isso é necessário que a batata inglesa seja conservada em um local arejado, fresco, longe da luz e de insetos. A claridade deixa o alimento mais propícia a ficar esverdeado.
Quando a batata inglesa é descascada, rapidamente ela escurece em consequência da oxidação da vitamina C. Uma das formas de evitar que isso aconteça é armazenando o alimento em um recipiente com água.
15
Dez17

Qual a diferença entre raiz tuberosa, tubérculo e bulbo?

eneasgc
Qual a diferença entre raiz tuberosa, tubérculo e bulbo?




Qual a diferença entre raiz tuberosa, tubérculo e bulbo?



Na hora de preparar alguma receita, a semelhança de alguns ingredientes pode até confundir um pouco a sua cabeça.
Por acaso você sabe diferenciar uma raiz tuberosa de um tubérculo ou bulbo? Antes de ficar preocupado, saiba que a maioria das pessoas se confundem em relação a esses ingredientes, já que eles são pertencentes a mesma família.
Tanto a raiz tuberosa, quanto o tubérculo e bulbo são alimentos que são extraídos a partir da raiz. Entre eles, destaque para a batata, cenoura, beterraba e cebola. O que vai diferenciar cada um desses tipos de alimentos é o local em que as reservas de nutrientes são acumuladas. Para que você possa entender melhor cada uma delas, preste atenção no decorrer do texto.

A diferença entre eles

Depois de entender o que vem a ser uma raiz tuberosa, tubérculo e bulbo, nunca mais você terá dúvida entre eles.

Raiz tuberosa

Os alimentos identificados como raízes tuberosas são aqueles que crescem debaixo da terra, ou seja, os nutrientes se acumulam dentro da própria raiz e o caule fica acima da superfície. Como exemplo de raízes tuberosas podem ser citados a cenoura, a beterraba, a batata-doce, a mandioca e o nabo.

Tubérculo

O tubérculo é identificado como sendo a parte grossa de um caule que cresce debaixo da terra. A grosso modo, é um caule modificado em forma de raiz. Geralmente as plantas que são identificadas como tubérculos possuem formato arredondado, hipertrofiado e apresentam saliências denominadas olhos ou brotos. Elas acumulam substâncias como o amido, que são suas reservas de alimento.
As raízes do tubérculo apenas fixam o vegetal ao solo, absorvem e conduzem água e nutrientes, sem acumulá-los. Entre os alimentos que são tubérculos estão a batata-inglesa, cará, inhame, caládio, tinhorão e dália.

Bulbo

O bulbo é identificado como sendo um caule subterrâneo com numerosas folhas, cheias de reservas nutritivas e que permite às plantas renovar anualmente suas partes aéreas. Ele se assemelha muito com o tubérculo, porém, a diferença entre eles é o formato da parte que acumula os nutrientes. Enquanto no tubérculo ela é arredondada, no bulbo é reduzido a um disco basal ou a um eixo cônico achatado, denominado prato. São exemplos de bulbo a cebola, o alho, lírio e jacinto.
15
Dez17

Como escolher cebolinha: Aprenda aqui como comprar sem cometer erros

eneasgc
Como escolher cebolinha


Como escolher cebolinha: Aprenda aqui como comprar sem cometer erros



Conhecida pelo cheiro ou pela frequência que é utilizada na culinária, a cebolinha é um vegetal de formato alongado que possui a cor verde. Ela tem sabor mais suave em comparação com as cebolas, sendo amplamente utilizadas na preparação de saladas, sanduíches, sopas, bem como pratos salteados.
A cebolinha é uma planta originária da Europa e pertencente à família das Alliáceas. Ela cresce facilmente em solos bem drenados, mas não resiste aos solos encharcados ou ainda aos locais em que há muito sol.
Por ter o cultivo facilitado, a cebolinha pode ser cultivada em pequenos espaços dentro de casa, principalmente em hortas.

Como escolher a cebolinha

Geralmente esse vegetal é comprado aos molhos, junto ao coentro ou salsinha. Em alguns casos, também pode ser encontrado separadamente. Ela é encontrada nas feiras livres, supermercados ou hortifrutis. Para escolher as melhores, existe algumas dicas que vale a pena seguir.
Escolha sempre os ramos mais verdinhos e brilhantes. Isso indica que o vegetal está fresco e bem cuidado. Não leve os que apresentem furos ou que estejam com aparência queimada ou com a superfície amarelada ou marrom. Também evite os ramos com aparência murcha.
Preste atenção também a forma com que ele está acondicionado no local. No mercado ele pode ficar dentro de refrigeradores. Já nas feiras livres, eles sempre estão bem molhados ou em baldes com água, o que ajuda a manter a cebolinha sempre fresca.

Benefícios da cebolinha

Depois de aprender como escolher as melhores cebolinhas, agora chegou a hora de ficar por dentro dos benefícios que esse vegetal pode trazer para a saúde. A cebolinha atua na redução do colesterol total, assim como dos triglicerídeos. Segundo estudos realizados em animais, a cebolinha possui um extrato alcoólico que ajuda na redução da gordura do corpo. Porém, ainda são necessários estudos para saber se esse efeito também pode ser empregado aos humanos.
A planta é muito conhecida de forma popular como um remédio caseiro para hipertensão, má digestão e para a prevenção de problemas dos olhos. Pode ser usada ainda como protetora celular, antifúngica e auxiliar no controle do colesterol e dos triglicerídeos, além de prevenir cataratas, obesidade, candidíase, gases intestinais e atuar na cicatrização.
Essa espécie também combate o envelhecimento precoce da pele, estimula o apetite, deixa a pele mais bonita e fortalece os ossos e os dentes. Outra utilização um pouco menos comum é a de ser utilizada como repelente e antibiótico, sendo excelente na composição de medicamentos naturais que previnem doenças e pragas em outras plantas.
15
Dez17

Clorofila: conheça os benefícios e como consumir essa substância

eneasgc
Clorofila: conheça os benefícios e como consumir essa substância


Clorofila: conheça os benefícios e como consumir essa substância



Ao ouvir ou ler o nome clorofila, certamente a sua mente vai voltar à época de escola, mais especificamente para as aulas de ciências.
Essa substância é encontrada nas plantas, algas, ciano algas e alguns tipos de bactérias e é responsável por dar a sua coloração verde. Muito além de um corante, é um composto fotorreceptor, ou seja, absorve luz, logo ele auxilia na fotossíntese que é o processo pelo qual essas formas de vida obtêm energia.
Além de ser essencial para vegetais e algas, a clorofila, que também é chamada de sangue verde já que sua estrutura molecular é semelhante a da hemoglobina, que dá coloração vermelha ao sangue, também se mostra uma substância muito benéfica para a saúde humana e vem ganhando cada vez mais espaço no cardápio das pessoas.

Propriedades e benefícios

A clorofila contém tantos benefícios que provavelmente você não vai acreditar. Ela possui vitamina A, complexo B, C, E e K; diversos sais minerais (cálcio, cobre, ferro, fósforo, manganês, magnésio, potássio, sódio e zinco), além de ser rica em fibras, aminoácidos e proteínas. Essa série de compostos presentes na clorofila, faz com que ela tenha inúmeros benefícios, sendo os principais:
  • Ajuda a regular os níveis de açúcar no sangue (prevenindo o aparecimento e ajudando a controlar a diabetes);
  • Funciona como regulador dos níveis de gordura e colesterol;
  • Previne e combate a anemia;
  • Aumenta a sensação de saciedade;
  • Fortalece o sistema imunológico;
  • Melhora o transito intestinal;
  • Atua como antiviral;
  • Melhora o funcionamento do sistema digestivo;
  • Promove a saúde bucal;
  • Potencializa a função desintoxicante do fígado;
  • Combate radicais livres prevenindo cânceres;
  • Protege a pele e os cabelos do envelhecimento precoce.
O “sangue verde”, por ser encontrado em vegetais, pode ser obtido através do consumo dos mesmos, nas forma de saladas. Ingerir a clorofila em forma líquida se mostra uma alternativa mais eficaz já que aumenta a absorção. Confira a seguir como fazer um nutritivo e delicioso suco de clorofila.

Suco de Clorofila

Ingredientes

  • 1 maçã;
  • 3 folhas de couve;
  • 1 legume inteiro (cenoura ou beterraba);
  • Folhas de hortelã;
  • Aipo;
  • Açúcar, adoçante ou mel à gosto.

Preparo e consumo

Retire o talo e as sementes da maçã e bata no liquidificador. Em seguida, acrescente as folhas de couve, hortelã e o legume de sua escolha e bata novamente. Por fim, acrescente o aipo e o açúcar, adoçante ou mel e centrifugue tudo até ficar bem picado. Após isso, basta coar e beber quando achar necessário, sendo recomendado o consumo todas as manhãs em jejum.
14
Dez17

Aprenda receita da sopa livre de calorias que ajuda a emagrecer

eneasgc
Em busca de reduzir as calorias para emagrecer? Opte então pela sopa de couve-flor e brócolis

Aprenda receita da sopa livre de calorias que ajuda a emagrecer



Perder peso com saúde e suprindo todas as necessidades do corpo parece uma meta um tanto quanto complicada de ser seguida, mas… com uma deliciosa sopa livre de calorias e que estimula o emagrecimento, essa tarefa se torna algo bem acessível.
Para tal, basta você prestar um pouco de atenção às propriedades de alguns ingredientes e procurar um profissional adequado. Com algumas adequações na sua rotina, certamente o peso extra logo será eliminado.
Por isso, nada melhor do que saborear alimentos com baixo teor de calorias e que ajudam a emagrecer, a exemplo das sopas de vegetais.
E caso você ainda não tenha ouvido falar em alimentos com quantidade de calorias negativas, saiba que eles são constituídos por menos calorias do que o corpo precisa para metaboliza-los.
Assim, a energia fornecida pelo prato é menor do que a queima de gordura que ele proporciona. E a sopa que trazemos a seguir é um desses alimentos. Confira:

Sopa de brócolis e couve-flor

Depois de tudo o que foi falado até a gora, a sugestão é preparar uma deliciosa sopa de brócolis com couve-flor. Na tabela calórica, esses dois ingredientes apresentam baixos índices de caloria: brócolis (35 calorias) e couve-flor (25 calorias) para cada 100 gramas.
Como não é usada nenhuma gordura no processo de preparo, você vai precisar de mais colorias para fazer a digestão.

Receita

Ingredientes
  • 1 litro de água;
  • 6 ramos de brócolis;
  • 6 ramos de couve-flor;
  • 2 colheres de semente de linhaça;
  • Salsinha a gosto;
  • Sal rosa a gosto;
  • Algumas gotas de limão;
  • Azeite de oliva a gosto;
  • Pimenta do reino a gosto.
Modo de preparo
Com ajuda de uma panela, coloque a água para ferver e logo em seguida acrescente os ramos de brócolis e a couve-flor.
No mesmo instante, também pode acrescentar a salsinha e o sal. Deixe cozinhar até os ingredientes amolecerem.
O passo seguinte é levar todos os ingredientes ao liquidificador e bater até virar uma pasta cremosa.
Leve novamente para a panela e acrescente algumas gotas de limão. Aqueça novamente.
Na hora de servir, em um prato separado, coloque as duas colheres de linhaça e acrescente também a pimenta do reino a gosto.
Para incrementar ainda mais, acrescente azeite de oliva a gosto.

Benefícios para a saúde dos ingredientes utilizados

Depois de conhecer a forma de preparar a sopa, agora chegou a hora de ficar por dentro de todos os benefícios que os dois principais ingredientes oferecem para o corpo.

Benefícios do brócolis

O brócolis é rico em vitaminas A e C, ácido fólico, cálcio, potássio, selênio e fibras. É considerado um poderoso antioxidante, e possui propriedades anticancerígenas em especial contra câncer de mama, pulmão e cólon.
Também é tido como um grande antidiabético, pois regula o açúcar e a insulina na corrente sanguínea.
Esse super alimento é conhecido pela grande quantidade de energia, nutrientes e pouquíssimas calorias.
Entre alguns dos muitos benefícios do consumo de brócolis está o retardamento do envelhecimento, a melhoria da pele e dos fios capilares, e a prevenção de diversas doenças como gastrites, úlceras e doenças cardíacas.
sistema imunológico é fortalecido pelo consumo regular de pequenas porções diárias de brócolis, e os ossos também são beneficiados pelo cálcio e vitamina K presentes no vegetal, os quais evitam doenças como a osteoporose.
O alimento também facilita o ganho de massa muscular magra.

Benefícios da couve-flor

Rica em vitamina B, C, E, K e ácido fólico, a planta fornece muitos minerais essenciais como o cálcio, o fósforo, o manganês, o magnésio e o potássio para o corpo.
Fonte de proteínas, o alimento carrega quantidades muito baixas de gorduras, sendo um alimento muito bom para quem busca hábitos mais saudáveis de alimentação e o emagrecimento.
O consumo de couve flor proporciona inúmeros benefícios, a exemplo fazer com que a função imunológica seja fortalecida, além de aumentar a proteção contra doenças cardíacas.
Devido à presença de antioxidantes, a couve-flor retarda o envelhecimento. Ela ainda repara o DNA, combate à hipertensão, protege contra o Alzheimer, osteoporose, crises de epilepsia e alopecia.
A couve-flor possui baixíssimo nível de calorias, fornecendo também muita energia devido à presença de suas vitaminas, açúcares e fibras.
Além dessa benéfica sopa livre de calorias e que ajuda a emagrecer, fique atento(a) e veja aqui outras receitas para conseguir a redução de peso desejada.
14
Dez17

Cebola roxa ajuda o coração e pode atuar contra o câncer

eneasgc
Cebola roxa ajuda o coração e atua contra o câncer e hemorragia no nariz

Cebola roxa ajuda o coração e pode atuar contra o câncer



Quem cozinha e ama colocar tempero na comida, sabe o sabor que a cebola roxa acrescenta ao paladar de diversas receitas. Mas além de melhorar o sabor dos alimentos, o vegetal também possui poderes medicinais.
A cebola roxa traz diversos benefícios para à saúde. E o ideal é consumi-la crua, pois o cozimento tira os nutrientes do alimento.

Benefícios da cebola roxa

Combate o câncer

Graças a grande quantidade de compostos de enxofre presentes na cebola roxa, o alimento pode impedir o crescimento das células cancerígenas e ainda destruir bactérias que atacam o sistema urinário.

Controla a diabetes

Consumir cebola roxa crua também é uma excelente forma de lidar com a diabetes, pois ela é capaz de controlar a glicose. Ela é naturalmente rica no mineral cromo, que ajuda a melhorar a tolerância das células à glicose e aumenta a sensibilidade à insulina. Além disso, ela é capaz de controlar a vontade de consumir doce, atua como uma insulina vegetal e podem prevenir o diabetes do tipo 2.

Previne prisão de ventre

Quem sofre de problemas de prisão de ventre também pode usar o alimento como um grande aliado. O vegetal é rico em fibras e consumir apenas uma cebola roxa de tamanho médio garante à sua dieta 10% da ingestão recomendada de fibra diária.

Protege o coração

As cebolas roxas protegem o coração, prevenindo a coagulação indesejada de células de plaquetas no sangue, além de regular a pressão arterial.

Melhora a circulação

Ela também pode ser usada para melhorar o fluxo do sangue e normalizar o nível do colesterol, diminuindo o LDL, conhecido como o “colesterol ruim”.

Emagrece

E para quem deseja perder peso, a cebola roxa também pode ser usada para eliminar as gorduras indesejadas. O vegetal acelera o metabolismo e ajuda a reduzir as inflamações.

Antienvelhecimento

Com grandes quantidades de vitaminas A, C e E, a cebola roxa também tem um grande potencial antioxidante, evitando o envelhecimento precoce.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.